O Plano Juventude Viva reúne ações de prevenção para reduzir a vulnerabilidade de jovens negros a situações de violência física e simbólica, a partir da criação de oportunidades de inclusão social e autonomia para os jovens entre 15 e 29 anos. Saiba mais!

Notícias


Por que matamos tantos jovens negros no Brasil?

19 de Janeiro de 2015, por Kobausk França Felix

O motivo é estarmos em guerra contra um inimigo definido, as drogas; para salvar a sociedade de seus efeitos adversos, assassinamos quem tentávamos defende .

Violência: Brasil mata 82 jovens por dia.

Policial militar agarra menor na rua Amaral Gurgel, no centro de São Paulo

Imagem: Moacyr Lopes Jr. / Folhapress



Congresso deve analisar projeto que acaba com autos de resistência

13 de Janeiro de 2015, por Kobausk França Felix

Uma das prioridades do Congresso Nacional no início da nova legislatura deve ser o projeto de lei do auto de resistência (PL 4.471/2012), que está pronto para ser votado pelo Plenário da Câmara dos Deputados.



IVJ – Violência e Desigualdade Racial contra jovens é destaque na TV Justiça

8 de Janeiro de 2015, por Kobausk França Felix

Em entrevista à TV Justiça, a coordenadora do Plano Juventude Viva, Fernanda Papa, falou sobre o Índice de Vulnerabilidade Juvenil à Violência e Desigualdade. Para ela, o preconceito contra a juventude negra ainda está muito presente na sociedade. “É preciso reconhecer que as instituições reproduzem a discriminação sobre os jovens negros, mesmo que quem o faça não tenha consciência disso”, afirmou.



Juventude Viva: Caminhos da Política de Prevenção à Violência Contra a Juventude Negra no Brasil

5 de Janeiro de 2015, por Frances Mary Coêlho da Silva

A Secretaria Nacional de Juventude, por meio da coordenação do Plano de Prevenção à Violência Contra a Juventude Negra, conhecido por Juventude Viva, divulga texto contando como se deu a implementação da primeira etapa da iniciativa, que tem por objetivo reduzir os índices de violência  que atinge os jovens negros em todo o país.



SNJ divulga versão preliminar do Índice de Vulnerabilidade Juvenil à Violência e Desigualdade

5 de Janeiro de 2015, por Frances Mary Coêlho da Silva

O Relatório Índice de Vulnerabilidade Juvenil à Violência e Desigualdade foi encomendado ao Fórum Brasileiro de Segurança Pública pela Secretaria-Geral da Presidência da República e Secretaria Nacional de Juventude com o objetivo de subsidiar as ações do Plano Juventude Viva.