Ir para o conteúdo
ou

 Voltar a Notícias do ...
Tela cheia Sugerir um artigo

SNJ garante ampliação do Programa Forças no Esporte no Rio de Janeiro

19 de Janeiro de 2018, 10:21 , por snjuventude@gmail.com - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 940 vezes

Whatsapp image 2018 01 19 at 09.48.05A Secretaria Nacional de Juventude recebeu, na tarde desta quinta-feira (18), a visita de representantes da Secretaria de Pessoal, Ensino, Saúde e Desporto (Sepesd) do Ministério da Defesa. A reunião, que contou com a presença do secretário nacional de juventude Assis Filho, do secretário da Sepesd brigadeiro Ricardo Vieira, o coordenador do programa Forças no Esporte (Profesp) comandante José Barros, o secretário-geral da Sepesd almirante Paulo Zuccaro e o assessor de relações institucionais da Defesa coronel aviador Mendonça, teve como objetivo agradecer o recurso cedido pela SNJ ao Profesp no Rio de Janeiro, além de estreitar as relações, a fim de ampliar a parceria para uma abrangência nacional.

O programa Forças no Esporte, do Ministério da Defesa, realizado em parceria com o Ministério do Esporte, tem como objetivo oferecer atividades de contraturno para crianças e adolescentes, entre 7 e 17 anos, de baixa renda, oriundos de escolas públicas e em situação de vulnerabilidade social, principalmente voltadas para o esporte. São oferecidas atividades como tênis, vela olímpica, entre outros esportes. Os beneficiários são encaminhados todos os dias às dependências do Exército, Marinha e Aeronáutica no horário contrário às aulas regulares, onde também recebem refeição e outros atendimentos. Com ele, evita-se que o público alvo da ação fique desassistido durante o período em que estão fora da escola. 

No ano passado, o Profesp recebeu quase R$ 6 milhões da SNJ, que somados aos recursos do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário e do Ministérios do Esporte, foram destinados ao programa no Rio de Janeiro e beneficiou mais 2,5 mil estudantes. As verbas foram destinadas à compra de material esportivo, uniforme, contratação de professores e monitores, melhoria de instalações e alimentação aos beneficiários. O Profesp faz parte do pacote de ações do Programa Emergencial de Ações Sociais para o Rio de Janeiro, que atende mais de 50 mil crianças e adolescente.

Para o este ano, a Defesa espera que o programa receba em torno de 1,7 mil novos alunos no estado. De acordo com o brigadeiro Ricardo Vieira, é imprescindível que haja uma ampliação nos recursos do Profesp. “Este programa atende crianças que se encontram em situação de vulnerabilidade social, oriundas de escolas públicas e, muitas vezes, é responsável por afastá-los da criminalidade, do ócio e das drogas. Além disso, é importante na capacitação das crianças, no trabalho à autoestima e até para fins nutricionais, já que muitas vezes, é ali onde fazem suas principais refeições”, explica o brigadeiro.

O secretário nacional de juventude Assis Filho elogiou o programa e espera ampliar o repasse, para que jovens de todo o Brasil sejam beneficiados. “A SNJ acompanhará de perto o desenvolvimento do programa, que engloba parte do nosso público de políticas, jovens entre 15 e 17 anos. A secretaria se coloca à disposição para incentivar a continuidade e desenvolvimento do Profesp e esperamos que ele possa receber mais estímulos e beneficiar mais pessoas no Brasil”, afirmou Assis. Atualmente, o Profesp beneficia cerca de 25 mil crianças e adolescente em todo o país.

Também participaram da reunião José Bisneto, do Núcleo de Gestão, Planejamento e Orçamento, Kécio Rabelo, chefe de gabinete da SNJ, Ludmila Oliveira e Bruno Araújo de Almeida, assessores técnicos da Coordenação geral de Políticas Setoriais.


0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.