Ir para o conteúdo
ou

 Voltar a Notícias do ...
Tela cheia Sugerir um artigo

Plano Nacional de Empreendedorismo e Startups para a Juventude já está disponível em versão online

5 de Julho de 2018, 16:58 , por Sergio Henrique - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 6265 vezes

 Whatsapp image 2018 07 05 at 16.59.46

A Secretaria Nacional de Juventude (SNJ) disponibilizou a versão online do Plano Nacional de Empreendedorismo e Startups para a Juventude. O Plano faz parte das ações do Brasil Mais Jovem 2018 e visa incentivar o empreendedorismo para a juventude, gerando oportunidades, renda e garantindo um futuro aos jovens.

Clique aqui para acessar o Plano Nacional de Empreendedorismo e Startups para a Juventude

O texto do Plano, que tem vigência de 2018 a 2020, foi construído por meio de uma Consultoria Técnica por meio da Secretaria Nacional de Juventude (SNJ), em parceria com a Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), com o objetivo de subsidiar a proposta de atualização do Plano Nacional de Juventude (PNJ) que tramita na Câmara dos Deputados há mais de 14 anos.

Os consultores realizaram diversas pesquisas de campo, entrevistas com entidades públicas e privadas, com membros da sociedade civil organizada para fazer um plano que atendessem os verdadeiros anseios da juventude brasileira que busca emancipação financeira e protagonismo profissional.

Além de impulsionar o crescimento de startups no país, o Plano Nacional de Empreendedorismo e Startups para a Juventude permite que mais jovens tenham acesso ao conhecimento, ao capital e ao mercado, para que possam investir e desenvolver seu próprio negócio.

O Plano possui quatro objetivos centrais: universalizar a educação empreendedora, complementando a educação dos jovens através de aulas e matérias que visem o desenvolvimento empreendedor do aluno; reduzir o tempo de abertura das empresas, facilitando o registro e a baixa do negócio com a implantação da REDESIM, um sistema integrado que simplifica o processo de abertura e fechamento de empresas; alavancar o investimento-anjo no Brasil, tornando as startups um modelo de negócio atrativo - o investidor anjo é aquele que já tem uma experiência no mercado e pode auxiliar o empreendedor, aumentando as chances de sucesso no negócio; e difundir o conhecimento das políticas públicas voltadas aos empreendedores, garantindo que eles tenham conhecimento das iniciativas e incentivos ao empreendedorismo.

Para garantir o acompanhamento das ações do Plano, tratar dos seus avanços e propor alterações, foi formado o Comitê Gestor do Plano Nacional de Empreendedorismo e Startups para a Juventude (CGESJ), a ser editado por portaria interministerial da Secretaria de Governo da Presidência da República (SEGOV/PR), e do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), que consiste em uma instância gerencial de caráter deliberativo, para as ações do Plano composta pelos colaboradores definidos na portaria, que também definirá sua periodicidade, coordenação e regimento interno.

Além do CGESJ, os empreendedores brasileiros também são fundamentais para a execução dessas iniciativas, seja exigindo novas mudanças em prol do desenvolvimento do ecossistema ou apoiando o trabalho consolidado no Plano.

Brasil Mais Jovem 2018

O Brasil Mais Jovem 2018, um pacote com 12 novas iniciativas voltadas aos brasileiros de 15 a 29 anos, lançado pelo Governo Federal, é uma continuação do Brasil Mais Jovem lançado em agosto de 2017, pela Secretaria Nacional de Juventude. Ele reúne 91 programas, ações e iniciativas do Governo Federal que já estão em andamento e são destinadas aos 51 milhões de jovens brasileiros.

Esse conjunto de ações de politicas públicas para a juventude visa o empoderamento e a emancipação de jovens e são coordenadas pela SNJ, por meio do Comitê Interministerial da Política de Juventude, e construídas em conjunto com o Conselho Nacional de Juventude (Conjuve).

 


0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.