Ir para o conteúdo
ou

Minha rede

 Voltar a Áudios
Tela cheia Sugerir um artigo

Conselho Municipal de Juventude (Comjuve) é instaurado em Anápolis (GO)

19 de Julho de 2016, 0:00 , por Pedro Henrique Caixeta - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 17 vezes

Conselhojuventude 20160608 115529

A  Prefeitura Municipal da cidade de Anápolis (GO), por meio de sua Secretaria de Cultura, deu posse a 17 membros que formam o Conselho Municipal de Juventude, no mês de junho. Eles foram indicados para um mandato de dois anos, sendo permitida uma recondução. Os conselheiros municipais de juventude têm como objetivo formular e propor políticas para atender à demanda da comunidade, auxiliando as prefeituras no planejamento dos investimentos direcionados a juventude.

Rafaella Cristianne Jacintho Peres Borges foi indicada como representante dos segmentos religiosos. “A atuação do conselho para Anápolis é fundamental porque fortalece as políticas públicas nesse segmento”, comentou. O Comjuve conta com uma representatividade ampla e, além do segmento religioso, entre os representantes da sociedade civil estão entidades estudantis, associação de moradores, segmento negro, segmento rural, instituições de ensino superior, de ensino fundamental/médio e de ensino técnico profissionalizante.

O primeiro passo para a criação de um conselho é a sensibilização do poder público, do prefeito, das secretarias envolvidas (núcleo de governo) e do Legislativo, porque são os vereadores quem vão aprovar o projeto de lei de criação do conselho e as outras propostas enviadas. O segundo ponto é mobilizar a sociedade, pois quanto maior a participação popular, maior a chance de o conselho funcionar efetivamente. É preciso incluir ao máximo a diversidade de segmentos para que se tenha um olhar mais heterogêneo sobre as questões e refletir a pluralidade de opiniões desses atores.

Com base nesse diálogo feito com a sociedade, o conselho deve apresentar as suas propostas para o decreto ou lei que regulamentará a sua criação. Esse decreto é assinado pelo prefeito e encaminhado à Câmara de Vereadores para votação contendo os objetivos do conselho, qual será as suas atribuições e quais os critérios para sua composição. No Brasil, não existe uma norma de padronização dos conselhos. Alguns possuem o mesmo número de representantes do poder público e da sociedade civil, outros optam por um terço e dois terços. Alguns adotam idade como critério, priorizando a participação juvenil.  Após a identificação dos membros do conselho, é necessário que eles sejam formalizados com uma nomeação oficial, ritualizada com a cerimônia de posse aberta à sociedade, como fez a Prefeitura de Anápolis.

Texto: Ascom/SNJ


Fonte: <a href="http://juventude.gov.br/juventude/noticias/conselho-municipal-de-juventude-comjuve-e-instaurado-em-anapolis-go">Juventude</a>

0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.